Notícias PROIFES

PROIFES-Federação repudia aprovação de Orçamento 2022 sem reajuste para profissionais da educação

O PROIFES-Federação repudia a aprovação do relatório final do Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) 19 de 2021, o Orçamento de 2022, pelo Congresso Nacional nesta terça-feira, 21, que dentre os recursos definidos não prevê reajustes salariais para as servidoras e servidores da educação. O relator do Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA), deputado Hugo Leal (PSD-RJ), entretanto, de última hora incluiu reajuste para policiais, e apenas para essa categoria, no Orçamento do próximo ano.

“No último ano do governo Bolsonaro, a previsão orçamentária ignora reajustes para os servidores, apesar de tentar privilegiar apenas o segmento dos policiais. O PROIFES-Federação já tem aprovado em seu XVII Encontro Nacional a reivindicação da reposição da inflação e negociação salarial para repor as perdas, que nos últimos anos passa de 30% para os professores federais”, destacou o presidente o PROIFES-Federação, Nilton Brandão (SINDIEDUTEC-Sindicato).

Além dos R$ 4,934 bilhões para o fundo eleitoral, que provocaram polêmica e críticas, a Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou R$ 1,7 bilhão para reestruturação de carreira de policiais federais. Em sessões nas duas Casas, o substitutivo ao Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) 19 foi aprovado por 358 a 97 na Câmara, com duas abstenções. No Senado, foram 51 a favor e 20 contrários. Agora, vai à sanção presidencial.

Tags:

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu