AGÊNCIA PROIFES

PROIFES entrega Carta aos Presidenciáveis à Haddad em ato por Educação, Ciência, e Tecnologia em SP

Notícias PROIFES

PROIFES entrega Carta aos Presidenciáveis à Haddad em ato por Educação, Ciência, e Tecnologia em SP

O PROIFES-Federação entregou em mãos ao candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) à Presidência da República, Fernando Haddad, sua Carta aos Presidenciáveis. O secretário do PROIFES-Federação, Gil Vicente Figueiredo (ADUFSCar-Sindicato), entregou o documento durante o ato “Educação, Ciência, Tecnologia e Intelectuais”, realizado na noite de segunda-feira, 24, em São Paulo.

Centenas de pessoas lotaram a sede do Club Homs, na Avenida Paulista, contra o obscurantismo e o desmonte da educação pública. Pós-graduandos, secundaristas, petroleiros, professores do ensino básico e superior entregaram ao candidato e à vice, Manuela D’Ávila (PcdoB) seus pedidos e propostas para o futuro governo.

Para Gil Vicente, o momento foi importante, pois “está em jogo o futuro da educação e do Brasil e é fundamental que os candidatos a Presidente tomem conhecimento das demandas do PROIFES – que, por isso, se prontificou a entregar a cada um deles as suas posições e reivindicações. Dentre elas, cabe destacar a exigência de revogação da Emenda à Constituição 95, que impede a implantação do Plano Nacional de Educação e levará as Universidades, os Institutos Federais, a Ciência e a Tecnologia ao caos, com gravíssimos e irreversíveis prejuízos para o país. E, também, há que se realizar, com urgência, uma Reforma Tributária que mude radicalmente o perfil da arrecadação de impostos no Brasil, já que hoje retira-se recursos do consumo, penalizando os mais pobres, e não se cobra uma contribuição minimamente justa sobre a renda e a propriedade, perpetuando e aprofundando a injustiça social existente.”

Diversos movimentos e entidades ligadas à Educação, Ciência e Tecnologia participaram do ato, no qual Haddad, que foi ministro da Educação de 2005 a 2012, foi enfático ao destaca que durante sua gestão no ministério, Lula, então presidente, “quintuplicar o Orçamento do ministério da Educação, que passou de 20 bilhões para 100 bilhões”, e que o governo de Lula trabalhou para atender às metas de investimento previstas no Plano Nacional de Educação, e depois para superar o que o PNE previa, de modo a “não deixar nenhuma etapa da educação para trás”. O ato foi transmitido pelo Facebook da campanha de Haddad e pode ser acompanhado na íntegra AQUI.

O PROIFES e seus sindicatos federados têm realizado atos com candidatos a presidente, e enviou a Carta à todas as 13 candidaturas à Presidência da República. Na Carta, o PROIFES destaca entender que a educação é meio pelo qual o Brasil pode avançar na construção de uma sociedade verdadeiramente democrática, soberana, inclusiva e moderna, princípios que norteiam o documento e orientam sua atividade sindical.

Acompanhe esta e outras ações no site e nas redes sociais do PROIFES e seus sindicatos federados.

Foto: Ricardo Stuckert

Com informações www.lula.com.br

 

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu