Notice: A função add_theme_support( 'html5' ) foi chamada incorretamente. Você precisa passar um array de tipos. Leia como Depurar o WordPress para mais informações. (Esta mensagem foi adicionada na versão 3.6.1.) in /home/defaultwebsite/public/wp-includes/functions.php on line 5831 ADUFG: Nota de repúdio contra Projeto de Lei que impede reajuste salarial para professores do município de Jataí em 2022 – PROIFES
Notícias PROIFES

ADUFG: Nota de repúdio contra Projeto de Lei que impede reajuste salarial para professores do município de Jataí em 2022

As diretorias do Sindicato dos Docentes das Universidades Federais de Goiás (Adufg-Sindicato) e do Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino Superior do Estado de Goiás (SINT-IFESgo) repudiam veemente a aprovação do Projeto de Lei 15/2022 da Prefeitura de Jataí. Por seis votos a favor e três contra, a Câmara Municipal aprovou a medida que altera o plano de cargos e salários dos trabalhadores da educação da rede municipal. A categoria esperava o reajuste de 33,24%, concedido pelo governo federal para o piso salarial dos professores do ensino básico, mas o projeto de autoria do prefeito Humberto de Freitas Machado (MDB) não apenas impede que os professores recebam o reajuste, como também desestrutura a carreira do magistério com a extinção dos níveis de cargos.

Mesmo considerando os diversos avanços e conquistas de direitos para a classe de trabalhadores, o Brasil continua sendo um dos países com um dos mais baixos salários médios dos professores entre os países membros da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). Em diversos municípios do País, com muita luta, atos, mobilizações e greve, os professores têm conquistado o reajuste do Piso Salarial do Magistério de 2022. Contudo, o que os representantes do poder público do município de Jataí praticam ao aprovarem um projeto que impede a valorização dos professores, concedendo-lhes o que é seu por direito, é a depreciação de uma educação pública de qualidade para todos.

O Adufg-Sindicato e o SINT-IFESgo manifestam o seu apoio incondicional a todos os trabalhadores da rede de educação de Jataí. Os professores do ensino básico exercem um papel de extrema importância para o futuro do Brasil. São os formadores de novos cidadãos, sendo responsáveis pela educação de crianças e adolescentes (ensino infantil e médio). O reajuste salarial de deve ser justo e reparador  para uma categoria sofrida, mal remunerada e desvalorizada no Brasil.

18 de março de 2022
Diretoria do Adufg-Sindicato e Diretoria do SintIfesgo

Fonte: ADUFG-Sindicato

Tags:

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu