Notícias PROIFES

“Momento é negativo e sem perspectiva de melhoria”, diz jornalista Fabiana Pulcineli sobre liberdade de imprensa no Brasil

 

“É um momento negativo, desfavorável e sem perspectiva de melhoria”, afirmou a jornalista Fabiana Pulcineli nesta quinta-feira (07/06), ao participar do #BatePapoAdufg, que discutiu a liberdade de imprensa no Brasil. O tema foi escolhido para homenagear o Dia da Imprensa, celebrado em 1º de junho. A live foi mediada pelo diretor de Promoções Sociais, Culturais e Científicas do Sindicato dos Docentes das Universidades Federais de Goiás, professor Daniel Christino.

Pelo segundo consecutivo, o País caiu no ranking de liberdade de imprensa da organização não governamental Repórteres Sem Fronteiras. Para a jornalista, atacar e agredir jornalistas se tornou uma espécie de “modinha”. Durante a live, também foi destacada a crise no modelo de negócios e na produção do jornalismo. Segundo Pulcineli, o problema é causado pelo crescimento da difusão amadora de notícias.

A jornalista, considerada uma das principais repórteres de políticas de Goiás, também opinou sobre o reconhecimento do trabalho da imprensa diante das ameaças veladas à democracia. “É um processo muito lento e até a sua consolidação em modelo sustentável, o momento desfavorável continuará impactando o trabalho nas redações.

A convidada
Fabiana é formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás (UFG). É repórter do jornal o Popular e comanda um programa de análise política na Rádio CBN e cursa Direito na mesma instituição de sua primeira graduação.

Fonte: Ascom ADUFG-Sindicato

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu