AGÊNCIA PROIFES

Mais de 50 entidades científicas endossam nota que solicita revisão de portaria do MEC sobre deslocamento de pesquisadores

Notícias PROIFES

Mais de 50 entidades científicas endossam nota que solicita revisão de portaria do MEC sobre deslocamento de pesquisadores

Cerca de 60 entidades científicas de todo o País já endossaram a carta que a  Academia Brasileira de Ciências (ABC) e a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) enviaram ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, solicitando revisão urgente da portaria que restringe o deslocamento de pesquisadores. O documento foi encaminhado ao MEC na quinta-feira, 23 de janeiro.

Publicada no dia 31 de dezembro, a Portaria no 2.227 dispõe sobre os procedimentos para afastamento da sede e do país e concessão de diárias e passagens em viagens nacionais e internacionais, a serviço, no âmbito do Ministério da Educação. As entidades pedem a revisão, em especial, do artigo 55, que determina que grupos de trabalhos podem enviar dois pesquisadores por unidade, órgão ou entidade vinculada, no máximo, para participar de eventos dentro do País e apenas um quando for no exterior. Há possibilidade de abrir uma exceção mediante “autorização prévia e expressa do Secretário Executivo”.

A ABC e a SBPC apontam, entre outras considerações, que tal restrição inviabilizará reuniões anuais das científicas, dificultará a participação de jovens pesquisadores em congressos científicos – o que contribuirá para o empobrecimento da formação dessa nova geração de cientistas -, além de acarretar risco iminente a missões bilaterais e colaborações internacionais.

“A Portaria do MEC inibe a interação entre os pesquisadores brasileiros, prejudica a internacionalização e o protagonismo da ciência e da tecnologia nacionais. Urge revisá-la”, escrevem as entidades.

Fonte: Ascom SBPC

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu