Notícias PROIFES

Fórum Goiano conversa com representantes da Educação

O Fórum Goiano Contra a Reforma da Previdência e Trabalhista se reuniu na manhã desta segunda-feira, dia 6 de maio, com representantes da Educação em Goiás para alinhar as propostas preliminares para a paralisação do setor que será realizada no próximo dia 15 de maio. O encontro, que aconteceu na sede administrativa do ADUFG-Sindicato, contou com a presença de membros do movimento estudantil da UFG e PUC, representantes de docentes e técnicos administrativos da UFG, Institutos Federais, Sintego, Andes, Fasubra, Sinpro, Fitrae e Sint-Ifes.

O coordenador do Fórum Goiano, João Pires, explica que durante a reunião muitas ideias surgiram e que elas devem ser levadas para uma nova reunião que acontece nesta terça-feira, dia 7 de maio, com local e horário a serem confirmados. “Começamos uma articulação bastante interessante, agora precisamos unificar essas ideias e construir uma programação em parceria com as centrais sindicais e movimentos que também participam do Fórum, tanto para a nossa paralisação do dia 15 de maio, quanto a para a paralisação geral do dia 15 de junho”, disse.

Para o diretor de Assuntos de Aposentadoria e Pensão do ADUFG-Sindicato, Abraão Garcia Gomes, a categoria dos docentes da UFG está mobilizada e a expectativa para a paralisação é grande. “Começamos a alinhar as ideias em nossa última assembleia, e amanhã vamos levar essas propostas para o Fórum. Precisamos reverter esse quadro dos cortes de verba para as instituições de ensino superior e educação”, comenta.

Fonte: Ascom ADUFG-Sindicato

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu