Notícias PROIFES

Debate sobre autonomia Universitária realizado pela APUB –Sindicato está disponível em vídeo

A diretoria da APUB-Sindicato, entidade federada ao PROIFES-Federação, promoveu no último dia 17 de janeiro um debate com as entidades representativas dos docentes, o PROIFES-Federação e a Andes; e de servidores técnicos-administrativos – a Fasubra, sobre a autonomia universitária e as propostas das entidades sobre a regulamentação do Art. 207 da Constituição Federal.

O PROIFES-Federação foi representado por seu presidente Prof. Eduardo Rolim de Oliveira, que apresentou a proposta de Lei Orgânica para as Universidades e Institutos Federais que a entidade está debatendo com a sociedade. Em sua apresentação, o Prof. Eduardo mostrou os principais pontos que versam sobre a necessidade de autonomia financeira, com carreiras nacionais; de autonomia administrativa, com regime diferenciado de contratações; eleições de dirigentes definidas nos estatutos e com Procuradorias autônomas; além da definição de uma nova natureza jurídica para as IFES.

A Fasubra, Federação de Sindicatos de Técnicos Administrativos em Instituições de Ensino Superior Pública do Brasil, foi representada pelo coordenador Paulo Henrique Rodrigues que demonstrou, em linhas gerais, a proposta da entidade denominada “Universidade Cidadã para os Trabalhadores”, que segundo ele já tramita na Câmara Federal.

Já a Andes contou com a presença de sua presidente, Marinalva Oliveira, que não apresentou nenhuma proposta, pois, segundo ela, a Andes entende que o Art. 207 é autoaplicável e que basta o governo “retirar todos os entraves à autonomia”, para que todos os problemas da Universidade estejam resolvidos. Afirmou ainda que a posição da entidade não mudou desde os anos 80, e estaria expressa em um documento que denominou de “caderno dois”.

No debate que se seguiu, as entidades discutiram com os professores associados à APUB-Sindicato, além de representantes dos demais sindicatos federados ao PROIFES-Federação que estavam presentes, as principais convergências e divergências entre suas posições. Dentre os muitos temas debatidos estão a conveniência ou não da Universidade firmar convênios com o mercado produtivo, o que não é aceito de forma alguma pela Andes e pela Fasubra, e é defendido, dentro de regras públicas e transparentes pelo PROIFES-Federação, como forma da Universidade exercer seu papel social.

Outra polêmica se deu quando o Prof. Eduardo afirmou que a Universidade brasileira é um caso de sucesso – como atesta a qualificação de seus profissionais e a pesquisa e extensão que desenvolve – o que foi contraditado por posições que defenderam que a Universidade “é do capital” e não atende à sociedade. Outro ponto forte foi quando a Presidente da Andes disse que “todos os reitores são agentes do MEC”, querendo dizer que não representam as comunidades que os elegeram. Mais polêmicas se deram nas regras para as eleições e composição dos conselhos, que a Fasubra defende que sejam sempre paritários.

O PROIFES-Federação em sua habitual defesa do contraditório disponibiliza os vídeos produzidos pela APUB-Sindicato, para que todos os interessados possam conhecer as posições das entidades, visando fomentar ampla discussão na sociedade sobre a temática. Ainda cumprimenta a iniciativa de seu sindicato federado, a APUB-Sindicato, e coloca-se à disposição para continuar este debate em todos os espaços onde for convidado. Lamentando apenas, que com raras exceções, somente os sindicatos federados ao PROIFES-Federação promovam debates abertos a todas as posições, o que não é correspondido nas entidades ligadas às demais participantes deste debate em Salvador.

Estiveram presentes, representado os sindicatos locais, federados ao PROIFES-Federação, os professores Maria Luiza von Holleben e Lucio Vieira, da ADUFRGS-Sindical; Nivaldo Pizzolato, da ADUFSCar,Sindicato; Gutemberg Martins da ADURN-Sindical; Ciro Bächtold, do SINDIEDUTEC-PR; Elenize Oliveira, do PROIFES-Sindicato; Claudia Miranda da APUB-Sindicato e demais membros da Diretoria e além de Márcio Campos da APUFSC-Sindical, Sandra da Luz, da ADUnB e Armando Gil, da APUBH-Sindicato.

 

Veja abaixo os vídeos.

Parte 1: http://youtu.be/Ztef8V1Z1so

Parte 2: http://youtu.be/ExkVzx0FvjY

Parte 3: http://youtu.be/-DsvxxvbNp0

Parte 4: http://youtu.be/aN9qhOl7e14

Parte 5: http://youtu.be/xe_g4lWtjmg

Notícias Relacionadas

Agência Proifes

Menu