PROIFES | Federação de Sindicatos de Professores e Professoras de Instituições Federais de Ensino Superior e de Ensino Básico Técnico e Tecnológico

Comunicação

Notícias Proifes

Parceria da ADUFRGS com cooperativas e outros sindicatos apoia comunidades em vulnerabilidade social e fortalece a classe trabalhadora

Publicado em : 06/07/2020

Há cerca de três meses, a ADUFRGS-Sindical fez uma parceria com a Rede de Cooperativas RedeCoop e a cooperativa de consumo GiraSol para oferecer o serviço de entrega de alimentos da agricultura familiar aos associados durante a pandemia de coronavírus. Além dissso, o Sindicatopassou a adquirir cestas das cooperativas para doar às comunidades em vulnerabilidade social, em uma ação social coordenada pela CUT-RS, que gerou comoção e agregou outras entidades. Até o final do mês de junho, a ADUFRGS havia doado 1.324 cestas básicas.

“Antes da pandemia já havia a preocupação da diretoria da ADUFRGS em ampliar nossas relações com os diferentes setores democráticos e humanistas da sociedade e as representações dos trabalhadores. Essa união é extremamente importante para enfrentar qualquer situação, principalmente diante de um governo conservador e concentrador de renda”, afirma o presidente da ADUFRGS, Lúcio Vieira. “A pandemia só agilizou esse processo pela necessidade de ações solidárias concretas”, completa.

O presidente destaca ainda a preocupação do Sindicato com a saúde e a vida dos associados ao facilitar o consumo de alimentos sem agrotóxicos e ricos em vitaminas e proporcionar a compra e entrega pelo e-commerce da GiraSol. “Reforçamos nosso compromisso com a proteção da vida dos associados ao evitar que saiam de casa durante o período crítico de transmissão do vírus”, completa.

De acordo com o coordenador geral da GiraSol, André Mombach, nestes três meses de parceria, a Cooperativa comercializou mais de 36 toneladas de alimentos orgânicos. O e-coomerce da GiraSol viabilizou o acesso fácil e a entrega em domicílio todos os dias da semana, com exceção do domingo através do site www.coopgirasol.com.br. 

“A parceria ADUFRGS, GiraSol e RedeCoop significou um avanço extraordinário na construção de um sistema de abastecimento e comercialização de alimentos orgânicos e da agricultura familiar que permite que a produção dos agricultores e das agricultoras chegue diretamente à mesa dos consumidores sem nenhum tipo de atravessamento. Todo o ciclo é realizado dentro de um ato cooperativo que conecta as cooperativas de produção com uma cooperativa de consumidores”, explica Mombach.  A iniciativa envolve 12 Cooperativas, 21 Agroindústrias, 8 Associações, 10 empreendedores(as) individuais ou pequenas empresas e uma rede de aproximadamente 2 mil consumidores em Porto Alegre.

Exemplo para outros sindicatos

Diversos sindicatos além da ADUFRGS, como o Sinpro, SindBancários, Sinergisul, Semat, Sindipetro e Simpa mobilizaram orçamentos próprios e vaquinhas para ajudar aqueles que mais precisam. Segundo o presidente da CUT-RS, Amarildo Cenci (na foto principal, fazendo entregas com outros dirigentes sindicais), já foram arrecadadas até o momento mais de 60 toneladas de alimentos, além de máscaras, material de limpeza e higiene e entregues a pelo menos 20 comunidades de ocupações, indígenas, quilombolas, associações de bairros, união de vilas, conselhos tutelares e outras organizações sociais. 

“Isso é um processo que tem fortalecido e estreitado os laços com outras organizações. As palataformas de lutas dos sindicatos, nossas reivindicações por direitos sociais não são uma luta apenas dos sindicalistas e dos trabalhadores com carteira assinada, são de toda a sociedade. Neste momento temos que ter uma relação mais estreita com esses povos desprotegidos para que juntos lutemos por uma sociedade mais justa e menos desigual”, ressalta Cenci. 

O diretor de Relações Sindicais da ADUFRGS, Jairo Bolter, ressaltou que o Sindicato foi pioneiro e fundamental na organização das ações sociais que reuniram diversas entidades neste período de pandemia. “Para nós isso é motivo de muito orgulho porque remete à importância que tem um sindicato como a ADUFRGS nestes processos de organização da classe trabalhadora. Poder aproximar as entidades do campo e da cidade, de trabalhadores da iniciativa privada e do serviço público é extremamente importante para fortalecer a luta da classe, de forma organizada, planejada e de acordo com o contexto no qual estamos inseridos”, ressalta. 



População em situação de vulnerabilidade recebe doações

Fortalecimento da agricultura familiar

A parceria não beneficiou apenas os associados da ADUFRGS e as comunidades em vulnerabilidade social que receberam as doações, mas os próprios agricultores familiares, fortalecendo o setor que tanto colabora para a economia do estado e do país. Conforme o presidente da RedeCoop, Charles Lima, as mais de 40 cooperativas associadasda Rede distribuíram nestes três meses 78 toneladas de alimentos para mais de 3,8 mil famílias em Porto Alegre. “A ideia é beneficiar as famílias que mais precisam nesse momento de crise com alimentos de qualidade nutricional e, também, garantir a sobrevivência e a continuidade da produção no meio rural”, afirma Lima. 

Nessa etapa inicial a montagem da cesta contou com o envolvimento das seguintes cooperativas: Coomafitt de Itati; Coperav de Viamão; Cootap de Eldorado do Sul; Nossa Terra de Erechim; Unicentral (CooperSanta, Cooperivorá e Coopercedro), somando 850 famílias de agricultores beneficiados pela aquisição de seus produtos.
Segundo o presidente da Coomafitt, Bruno Engel Justin, que faz as entregas para os docentes no Litoral Norte, a venda direta e entrega à domicílio tem sido uma alternativa muito importante pra agricultura familiar, que organizada em cooperativas consegue viabilizar a entrega de alimentos na casa das famílias. “Essa proximidade entre produção e consumo representa preço justo pra quem compra e pra quem produz, gerando renda no campo. Para a Coomafitt tem sido importante diversificar os mercados da cooperativa”, afirma. Até agora, a cooperativa de Itati, Terra de Areia e Três Forquilhas entregou 20 toneladas de alimentos no Litoral Norte. 

Isso ajudou a minimizar as perdas do setor da agricultura familiar, que tinha no fornecimento para escolas e órgãos públicos seu principal sustento. “Foi um período bem difícil, com queda de 50% no faturamento, mas tem melhorado um pouco. Mesmo assim, essas parcerias e entregas ajudaram a manter à cooperativa e melhorar a qualidade de vida, que passou a ser a grande prioridade”, afirma Justin.


Comafitt faz as entregas no Litoral Norte

Ação social ao combate do coronavírus nas IFEs

Além da doação de cestas básicas para as pessoas em vulnerabilidade social e da parceria para oferecer alimentos na porta de casa dos associados da ADUFRGS, o Sindicato vem contribuindo com as ações das Instituições Federais de Ensino da sua base sindical – UFRGS, UFCSPA, IFRS e IFSul – para combate ao coronavírus.

Segundo o tesoureiro Eduardo Rolim de Oliveira, em 13 semanas de início das ações solidárias da ADUFRGS, o total de recursos despendidos pelo Sindicato em todas as ações, chegou a R$ 124 mil. “Neste total estão incluídas as cestas, 500 kits de higiene que são distribuídos junto com as cestas e insumos e equipamentos para as universidades e Institutos Federais”, esclarece.

Entre os insumos adquiridos pelas instituições com o apoio da ADUFRGS estão chapas de acrílico para fabricação de equipamentos de proteção individual (EPIs) e de caixas para entubação de pacientes. Também foi doada uma impressora 3D para a UFCSPA produzir componentes hospitalares e recursos para pesquisas da UFRGS, como a que desenvolve ventiladores pulmonares, do Grupo de Estudos e Pesquisas  em Engenharia Criativa, além de freezer para o processo de destilação de álcool no Instituto de Química e tecidos para a confecção de máscaras na Faculdade de Veterinária.


Material para fabricação de EPIs doado pela ADUFRGS

*Com fotos da CUT-RS, IFRS e RedeCoop

Fonte: Portal Adverso





IFRS obtém a primeira patente

IFRS obtém a primeira patente

 04/08/2020

Nesta sexta-feira, 7 de agosto, às 11h, o “ADUFRGS Entrevista” conversa com o professor Juliano Cantarelli Toniolo (IFRS Campus Caxias do Sul) sobre a Cadeira de Rodas com Sistema Rotular Bilateral de Dobramento da Estrutura Frontal. O projeto, resultado da pesquisa [...]













GO!Sites