PROIFES | Federação de Sindicatos de Professores e Professoras de Instituições Federais de Ensino Superior e de Ensino Básico Técnico e Tecnológico

Artigos

“Por uma UFPE plural, ampla, que não se limite aos seus muros”

Publicado em : 05/11/2018

Edeson Siqueira de Melo

O professor Edeson Siqueira, presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Pernambuco (ADUFEPE), aceitou o desafio de debater a universidade num evento de amplitude nacional abordando temas diversos relacionados à instituição. Para o diretor, o II Congresso UFPE em Debate se coloca no panorama atual das discussões nacionais ao promover a interação dos diversos saberes e evidenciar a importância social da universidade pública brasileira.  Na entrevista abaixo, Edeson destaca a escolha do tema que norteia o congresso e a expectativa para as reflexões e ações que se desenham a partir dele.

UNIVERSIDADE E SOCIEDADE

A universidade tem um papel fundamental na sociedade brasileira, especialmente nas regiões Norte e Nordeste. Em Pernambuco, não é diferente. A UFPE é sinônimo de desenvolvimento para o Estado. Ela não só capacita profissionais, como gera uma cadeia produtiva para ciência, tecnologia & inovação. Então, discutir universidade é importante para o desenvolvimento econômico, social e científico do nosso Estado, com implicações para o Norte-Nordeste e para o Brasil. A UFPE sempre esteve entre as dez melhores instituições do Brasil em todos os rankings, por isso, promover um debate para discutir aquela que é protagonista na produção científica nacional é extremamente importante para que ela continue avançando.

PLURALIDADE

Contamos com colegas da USP, UFRJ, UnB, UFPB e de outras grandes universidades do Brasil e também estrangeiras participando do nosso congresso. Então, embora estejamos discutindo a UFPE, o debate é muito mais amplo. O evento aborda o conceito de universidade pública brasileira a partir do tema Universidade de Ideias e Ideias de Universidade. Tenho certeza de que o congresso terá grande dimensão; ele transportará os limites da UFPE e ampliará as discussões para todo o País. Para que isso seja possível, fizemos um esforço e vamos disponibilizar todas as palestras online, via Facebook da ADUFEPE.

CONJUNTURA

Diante da conjuntura política atual, não só no Brasil, mas também no mundo, o debate tem sido acalorado no sentido de questionar muitas vezes o papel da universidade como formadora dos cidadãos. Há quem diga que já se investe muito na universidade pública, mas em geral quem se coloca assim, muitas vezes desconhece toda a produção e o significado disso. Existe um ideal em torno da universidade, que tem desdobramentos diretos com o desenvolvimento da região onde ela se insere. A universidade produz um conhecimento direcionado para toda a sociedade: são serviços, tecnologia e inovação que estão sendo produzidas para servir e transformar a sociedade. Então, quais são as ideias que orbitam em torno da universidade? Esse é o mote: discutir as concepções e as ideias que são geradas a partir dela”.

UNIVERSIDADE E CIDADE

Todas as mesas do congresso têm desdobramentos sociais. Dentre elas, podemos destacar a mesa Universidade e Cidade.  Discutir como a universidade está inserida no meio urbano, como seu entorno se organiza do ponto de vista urbanístico, é extremamente relevante. Estamos buscando exatamente discutir o que podemos propor, em termos de projetos futuros que conectam a universidade e o seu entorno. Essa e as demais mesas têm a finalidade de fazer a conexão entre a universidade e a sociedade. Queremos destacar todo o universo pertencente à universidade e como ela pode colaborar para a nossa nação. Inclusive para pensarmos um futuro, como queremos a instituição no papel de protagonista da sociedade brasileira.

DEBATEDORES

“Procuramos organizar o evento priorizando os colegas professores da casa. Teremos um colega da UFPE em todas as mesas, pois é importante colocar no debate o ponto de vista do docente local. Também vamos trazer a cada mesa um colaborador de outra universidade, situada em outra região do País para interagir com outras experiências do Brasil. Por exemplo, estamos trazendo o professor Luiz Bevilaqua, que implantou a universidade Federal do ABC, considerada percussora de um projeto inovador. Então, a ideia é essa: trazer experiências inovadoras para somar à expertise dos nossos colegas da UFPE e assim fazer uma proposta plural, ampla, que não se limita aos seus muros, que vá além de Pernambuco e da sua região.

PROJETO DE UNIVERSIDADE

Uma vez promovendo esse grande debate durante quatro dias, envolvendo docentes, estudantes e servidores técnico-administrativos, pretendemos, ao final, produzir um documento, construído coletivamente, fomentado pelo grande debate de ideias levantadas ao longo dos quatro dias. Esse documento seria um projeto de universidade, construído pelos três segmentos, que contenha a dimensão da história da UFPE, ou seja, de uma universidade produtora de conhecimento científico, de tecnologia e inovação, com destaque internacional.

Fonte: Ascom ADUFEPE-Sindicato





Sobreviventes

Sobreviventes

 27/03/2018

Por Laíssa Costa Algumas experiências têm a capacidade de nos marcar, de não serem efêmeras, de resistirem ao tempo. Foi assim com uma mesa que tive a oportunidade de acompanhar no Fórum Social Mundial, em Salvador, duas semanas atrás. A mesa [...]


Que justiça é essa?

 07/12/2017

Que justiça é essa? Ainda está preso em muitas gargantas o nó que surgiu após a notícia da trágica morte do professor Luiz Carlos Cancellier, reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Se em um primeiro momento o choque tomou [...]



Contrarreforma Trabalhista: justificativa e tramitação

 24/04/2017

Por Wellington Duarte* Qual o motivo da pressa em aprovar, a toque de caixa, a reforma trabalhista, que na prática acaba com a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT)? Por que se tem utilizado manobras estilo Eduardo Cunha, para empurrar goela abaixo a dita reforma? A [...]


O machismo mata mais que o cigarro

 24/04/2017

Rosana Maria Ribeiro Borges* Na tarde de hoje tive que ir à Sede da Unimed Goiânia para resolver uma questão. Parei o carro no Estacionamento Carneiro, situado na T1 logo abaixo da Unimed, porque, por ali, achar uma vaga na rua é algo muito difícil. Quando [...]



A proposta de reforma previdenciária de Temer e a mulher

 17/02/2017

Francis Campos Bordas Segundo dados oficiais do Ministério da Previdência Social (MPS) e do Ministério do Orçamento e Gestão (MPOG), as novas regras de aposentadoria e pensões constantes na Proposta de Emenda Constitucional 287 (PEC 287) encaminhada ao [...]


Professora, homossexualidade não é crime!...

Professora, homossexualidade não é crime!...

 20/10/2016

  Empório do Direito - http://emporiododireito.com.br/professora-homossexualidade-nao-e-crime-mas-o-preconceito-mata-pessoas-por-bartira-macedo-de-mira

 Bartira Macedo de Miranda Santos – 19/10/2016

A tua piscina tá cheia de ratos Tuas ideias não correspondem aos fatos Cazuza   Dizer que homossexualidade não é crime parece uma afirmação absurda pela sua obviedade. Mas, infelizmente, estamos num tempo em que é preciso [...]



Artigo: por que homenagear a Universidade nos 70 anos?

 11/07/2016

Por Joviniano Neto, diretor social e de aposentados da Apub. Pronunciamento na Aula Inaugural da UFBA em 05/07/2016 Porque esta universidade foi o sonho, o projeto, o espaço, durante muitos anos o único, e atualmente o maior, que a Bahia escolheu como Centro de [...]




GO!Sites